A NBR 5413 e os níveis de iluminância nos ambientes de trabalho

A NBR 5413 trata especificamente da iluminância de interiores. Esta Norma foi lançada pela ABNT no ano de 1992. Sendo que em 2013 chegou a ser substituída por outra norma, a NBR 8995.

Porém, essa nova norma trouxe muitas indagações e dúvidas acerca de sua aplicação por parte de engenheiros, arquitetos e demais técnicos que trabalham com iluminância.

Por esta razão o Ministério do Trabalho se manifestou tecnicamente em 2014 afirmando que a NBR 5413 seria utilizada de forma subsidiária aquela nova norma.

Independente de subsidiar, a NBR 5413 estipula os níveis de iluminância de interiores nos ambientes de trabalho, sejam eles escritórios ou demais locais administrativos, estabelecendo assim a iluminância mínima e a máxima.

Dessa forma, segundo a referida norma da ABNT, o mínimo de iluminância que o escritório deve ter é de 500 lux. Por outro lado, o máximo que este ambiente administrativo deve possuir é de 1000 lux.

Claro que entre o valor mínimo e o máximo você poderá utilizar algum valor em seu projeto de iluminação de escritório levando em consideração o tipo de trabalho que será desenvolvido bem como todas as características do ambiente.

Alguns softwares, como por exemplo o Dialux, que você poderá baixá-lo gratuitamente e utilizar sem mensalidades, auxiliará o técnico na criação de um projeto luminotécnico em que se informa todas as características do ambiente e dos materiais a serem utilizados, e assim são obtidos os níveis de iluminância ideais.

É bom lembrar que esse projeto feito de forma correta é de fundamental importância para um escritório e áreas administrativas, visto que a quantidade de luz no ambiente de trabalho é capaz de influenciar positiva ou negativamente as pessoas e nas atividades desenvolvidas.

Saiba que a produtividade, e até mesmo as relações entre funcionários e a segurança das pessoas estão em jogo quando o assunto são os níveis de iluminância de interiores em escritórios e áreas administrativas.

Dessa forma, sempre se pergunta qual o nível de iluminância ideal a ser aplicado em um ambiente de trabalho? Falaremos sobre isso na sequência.

O nível ideal de iluminância em ambientes de trabalho

É a NBR a 8995 que trata de nível ideal de iluminação em ambiente de trabalho, mas a NBR 5413 poderá ser utilizada como subsidiária.

Independente disso é preciso considerar o tipo de atividade que serão realizadas e o ambiente para então determinar os níveis ideais.

A partir disso fica fácil entender que a instituição de normas tão abrangentes que visam disponibilizar uma excelente iluminação aos escritórios e demais ambientes de trabalho, contribuem por provar a importância da iluminância na eficiência e na produtividade das pessoas.

A NBR 5413 determina que nos escritórios e demais ambientes de trabalho os valores ideais de iluminância devem ser de 500 ou 750 ou 1000 lux.

De modo geral os técnicos escolhem o valor de 750 lux. Vale lembrar que 1000 lux só deverá ser escolhido quando no ambiente serão desenvolvidas atividades de visualização crítica ou que os funcionários tenham baixa visibilidade.

Já para o valor menor de 500 lux deverá ser utilizado em projetos cujos ambientes as tarefas não são realizadas de forma rotineira, e a precisão, bem como a velocidade dos trabalhos não são essenciais.

A NBR 8995 tem uma cláusula específica sobre a iluminação natural em ambientes de trabalho. Nela se destaca a possibilidade de prover com luz natural toda a necessidade de luz ou parte dela no ambiente administrativo.

Embora esta última norma seja mais complexa, utilizar as duas normas concomitantes é o ideal, chegando assim a criar um projeto luminotécnico com capacidade 100% de atender as necessidades fisiológicas das pessoas e do ambiente de trabalho.

Se restou alguma dúvida acerca dos níveis de iluminância nos ambientes de trabalho e a relação com as duas normas NBR 5413 e NBR 8995, não hesite em entrar em contato conosco.

A NBR 5413 e os níveis de iluminância nos ambientes de trabalho
Quantas estrelas merece esse post?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *